quarta-feira , 26 fevereiro 2014
VIP NEWS

São João de Maracanaú 2012

Este ano, a festa acontecerá de 1° a 17 de junho e prestará uma grande homenagem ao Centenário de Luiz Gonzaga, com a construção de uma cidade cenográfica em referência a esse grande músico nordestino. O evento, realizado pela Prefeitura de Maracanaú, já faz parte do calendário cultural do Nordeste e acontecerá em um espaço de 21,6 mil m², localizado na Avenida I, entrada do bairro Jereissati, ao lado do Cefet (IFCE). A expectativa é de que mais de um milhão de pessoas participem do evento, repetindo o sucesso dos anos anteriores.

Os 17 dias de festejos juninos contarão com programação diversificada, envolvendo apresentações de danças regionais, de teatro, de grupos folclóricos cearenses, festivais de quadrilhas e de violeiros, bem como exibições de sanfoneiros e shows de 27 bandas locais e nacionais. Algumas atrações já confirmadas são: José Augusto, Calypso, Margareth Menezes, Parangolé, Limão com Mel, Magnificos, Calcinha Preta e Leonardo. Os shows serão realizados nos dias 1°, 2, 3, 7, 8, 9, 14, 15 e 16 de junho.
O tradicional Festival de Quadrilhas Juninas é mais um grande atrativo do São João de Maracanaú. Milhares de pessoas deverão lotar o quadrilhódromo para assistir às apresentações de 80 grupos que irão disputar os títulos dos Festivais Infantil, Municipal e Interestadual de Quadrilhas Juninas.
Capital Junina – Maracanaú é oficialmente reconhecida como a Capital Junina do Ceará por meio da Lei Estadual 14.999\2011, resultante de projeto de lei de autoria da deputada estadual Fernanda Pessoa.
Homenagem ao Centenário de Luiz Gonzaga – Cidade Cenográfica
Este ano, o São João de Maracanaú terá uma cidade cenográfica montada para homenagear Luiz Gonzaga. A cidade é uma réplica de Exú, em Pernambuco, cidade natal do Reio do Baião e contará com uma estátua de seis metros do Gonzagão. A Cidade Junina tem também uma Casa de Farinha e Tapioca, o Engenho com Rapadura Gigante de Pindoretama, a Fazendinha, a Casa do Cordel, a Radiadora, um restaurante de comidas típicas do Ceará, entre várias outras atrações.
Na Cidade Cenográfica, a programação acontecerá em todos os dias, a partir das 19 horas. A animação fica ainda por conta Festival de Casamento Matuto, Festival de Violeiros e apresentação de sanfoneiros e grupos folclóricos, teatro e dança.

Infraestrutura

As bandas de forró irão se apresentar em dois palcos e os grupos da dança típica dessas festividades na Vila Luiz Gonzaga. O quadrilhodrómo terá capacidade para quatro mil espectadores. Barracas de alimentação, camarotes, portarias e parque de diversões completam a estrutura.
Para garantir a segurança dos visitantes, Guarda Municipal, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, SOS Maracanaú e segurança privada, totalizam um efetivo de aproximadamente 2,5 mil profissionais ao longo do evento. Ambulatório médico e duas ambulâncias também estarão de plantão.
Geração de renda
Mais de 5 mil empregos, diretos e indiretos, devem ser criados durante as festividades e a expectativa, nas 230 barracas de alimentação interna e externa e 120 ambulantes. Os 27 shows empregam mais de 400 artistas, músicas, técnicos e seguranças. Também há geração de renda para 700 artesãos.

Programação

Shows
A partir das 22h
1\06 – Furacão do Forró, José Augusto e Luis Marcelo e Gabriel
2\06 – Balancear, Calypso e Forró do Bom
3\06 – Forró Real, Margareth Menezes, Os Brothers
7\06 – Forró de Salto e Parangolé
8\06 – Forró de Ouro, Lagosta Bronzeada e Limão com Mel
9\06 – As Coleguinhas, Magníficos e Forró Pop
14\06 – Calcinha Preta, Forrozeira e Pisada
15\06 – Caviar com Rapadura, Forró de Salto e Garota Safada
16\06 – Leonardo, Acaiaca e Luis Marcelo e Gabriel
Festivais de Quadrilhas
A partir das 18 horas
Os tradicionais festivais de quadrilhas juninas contarão com mais de 80 grupos, com cerca de 5 mil integrantes, que se apresentarão no Quadrilhódromo.
VI Festival Infantil de Quadrilhas Juninas
1/06 – 18h40 – Boa Esperancinha; 19h20 –  Arraiá da Juventude; 20h – Zé Ivan
2/06 – 18h40 – Cumpade Vinicius; 19h20 – Comissário Barbosa; 20h – Palha do Sertão
3/06 – 18h – Estrela de Davi; 18h40 – Tia Valenia; 19h20 – Coração Junino; 20h – Amor Nordestino
4/06 – 18h – Brilho do Sertão; 18h40 – Mania Junina; 19h20 – Tesouro Nordestino; 20h – Amor Junino
5/06 – 18h40 – Império Junino; 19h20 – Busca Pé; 20h – Zé Testinha
6/06 – 18h40 – Arraiá Unidos Novas C.; 19h20 – Filhos da Terra; 20h – Flor da Garotada;
XXVII Festival de Quadrilhas Juninas de Maracanaú
7/06 – 20h – Paixão Brasileira; 20h50 – Pula-Pula São João; 21h40 – Raízes do Sertão; 22h30 – Arraiá do Jatobá
8/06 – 20h – Boa Esperança; 20h50 – Mulher Rendeira; 21h40 – Tesouro Nordestino; 22h30 – Chapéu de Couro
9/06 – 20h – Rego Fundo; 20h50 – Cumpade Calú; 21h40 – Arrastapé dos Caipiras; 22h30 – Grande Amor Cearense
10/06 – 20h – Brilho da Lua; 20h50 – Pé Quente; 21h40 – Luar do Sertão; 22h30 – Sussego do Sertão
11/06 – 20h – Raio de Luz; 20h50 – Cumpade Justino; 21h40 – São João na Roça; 22h30 – Alternativa
III Festival Interestadual de Quadrilhas Juninas de Maracanaú
13/06 – 20h – 5º Colocado Festival Municipal; 20h30 – 2° Colocado Festival Municipal; 21h – Cumade Dona Baixinha; 21h30 – Cabra da Peste; 22h – Filhos do Sertão; 22h30 – Zé Testinha; 23h – Raízes Sertanejas
14/06 – 20h – 3º Colocado Festival Municipal; 20h30 – 1° Colocado Festival Municipal; 21h – Meu Xodó; 21h30 – Paixão Junina; 22h – Gira Sol; 22h30 – Paixão Nordestina; 23h – Terra da Luz
15/06 – 20h – 4º Colocado Festival Municipal; 20h30 – Maranguape; 21h – Junina Marroia; 21h30 – Cheiro de Terra; 22h – Aconchego do Pecém; 22h30 – Fogueira da Paixão; 23h – Fogo Jovem
16/06 – 20h – Sobral Junino; 20h30 – Pisada do Sertão; 21h – Jovens na Roça; 21h30 – Pé no Chão; 22h – Junina Babaçu; 22h30 – Estrela do Luar; 23h – Roça de Milho
17/06 – 20h – Cumade Elza; 20h30 – Arraiá da Roça; 21h – Fulô do Sertão; 21h30 – Espinho e Fulô; 22h – Nação Gangaceira; 22h30 – Ceará Junino; 23h – Arraiá do Patativa
Festival de Violeiros
Festival de Casamento Matuto
Mostra de Sanfoneiro
Programa Cidade Cenográfica
A partir das 18 horas
A Cidade Cenográfica será uma réplica da cidade de Exú, em Pernambuco, em homenagem ao Centenário do Rei do Baião, Luiz Gonzaga. O espaço terá uma imagem de seis metros de altura do “Gonzagão” e vários outros atrativos como: artesanato, V Festival de Violeiros, apresentação de artistas de vários municípios do Ceará, mostra de sanfoneiros, grupos teatrais e folclóricos,  I Festival de Casamento Matuto, Fogueira Gigante, Pau-de-sebo, Engenho e Casa de Farinha.
1º a 11 de junho – Apresentações de grupos folclóricos, sanfoneiros, forró pé de serra e teatro
12 a 14 de junho – V Festival de Violeiros
15 a 17 de junho – I Festival de Casamento Matuto
Serviço
São João de Maracanaú
Data: 1° a 17 de junho
Local: Maracanaú – Avenida I, entrada do bairro Jereissati (entre o IFCE – antigo Cefet – e o Feira Center Shopping)

Sobre Bruno Barreto

Jornalista e Diretor Eventos da Revista Eletrônica NordesteVIP !

3 comentários

  1. as banda deste ano esta estao muito boa…

  2. Ah eu adorei as bandas estão excelentes!!  Muitaa curtisão na Paz! 

  3. por que a grande amor cearense nao ficou entre as melhores entre as 5??

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Scroll To Top